Opensoft reforça presença na Web Summit

Opensoft vai estar na Web Summit 2017

Opensoft reforça presença na Web Summit

 

A Opensoft dá sequência à participação do ano passado e já garantiu presença na Web Summit, umas das maiores conferências tecnológicas do mundo, que regressa a Portugal de 6 a 9 de novembro. Objetivo é reforçar aposta na internacionalização e atrair talento especializado.

 

A decisão surge na sequência do sucesso da participação da Opensoft na edição do ano passado e da visibilidade conseguida junto de potenciais clientes, parceiros e colaboradores. A tecnológica portuguesa vai estar novamente presente com um stand, que será dinamizado pela equipa técnica e comercial, onde serão efetuadas demonstrações de soluções e de alguns casos de sucesso.

 

«Este ano vamos continuar a apostar no aumento da visibilidade da Opensoft, partilhando a mais-valia dos nossos serviços e competências com potenciais parceiros e clientes de todo o mundo», adianta Joana Peixoto, Diretora Comercial e de Marketing da empresa. «O desafio é aumentar o número de contactos efetuados em relação ao ano passado», acrescenta.

 

«A inovação e o empreendedorismo fazem parte da nossa génese, por isso vamos aproveitar a presença na Web Summit para apresentar os produtos que estão em fase de lançamento», desvenda Joana Peixoto. «Além disso, vamos aproveitar para estar a par de novas tendências tecnológicas e a forma como podem ser incorporadas na nossa oferta», avança.

 

Para a Diretora Comercial e de Marketing da Opensoft, «é importante que a Web Summit continue a acontecer em Lisboa, porque é uma forma de afirmar Portugal como um fornecedor de tecnologia e potenciar sinergias, e isso é bom para todos os intervenientes».

 

Além de ser um excelente palco para o networking, dado acolher milhares de pessoas disponíveis para serem surpreendidas e discutir novas ideias ou tecnologias, a Web Summit é uma verdadeira incubadora de novos negócios.

 

«O retorno pode não ser imediato, mas a médio prazo permitirá a empresas consolidar a sua posição como fornecedor de tecnologia, quer no mercado nacional quer no internacional», explica Joana Peixoto. «a Web Summit desempenha um papel essencial a dar-nos visibilidade e a abrir portas que seriam mais difíceis de abrir de outra forma, e permite-nos interagir com pessoas de todo o mundo que estão a ter um papel relevante no setor tecnológico», defende.

 

A disponibilidade e a dimensão do público num único evento em solo português torna também a Web Summit ideal para apresentar a cultura da empresa e atrair novos talentos.

 

1 Comentário

Deixe um comentário

Comentário
Nome
Email
Website