O bom velho Java está para durar. Saiba porquê

Opensoft > Blog  > O bom velho Java está para durar. Saiba porquê

O bom velho Java está para durar. Saiba porquê

 

Lançada em 1995, Java é uma linguagem de programação que goza de popularidade mundial. Esta linguagem foi largamente adotada, pois tem uma característica única  – a portabilidade. Deste modo, as aplicações Java podem ser apresentadas em inúmeros dispositivos e sistemas operativos sem qualquer perda de funcionalidades.

 

Ainda assim, a utilização da tecnologia Java no desenvolvimento de software não é consensual. Entre os adeptos do Java e os que defendem soluções alternativas, os aspetos que geram mais discussão são a segurança das aplicações, que inclusive levou à descontinuação do plug-in Java para utilização em browsers.

 

É importante distinguir o contexto em que se utiliza o Java: em programas que correm no servidor, ou em aplicações Java desenvolvidas especificamente para páginas Web. A utilização do Java no servidor depende das escolhas do administrador do sistema e pode ou não devolver uma interface gráfica aos utilizadores. Por outro lado, as aplicações Java, designadas “applets”, são especificamente criadas para serem embebidas em páginas Web e necessitam que o utilizador descarregue o plug-in Java para visualizar a aplicação.

 

De uma forma geral, a comunidade reconhece que as soluções desenvolvidas nesta linguagem são adequadas para o processamento de dados no servidor, já que é conhecida a excelente capacidade do Java a processar grande volumes de dados e a interligar-se com outros sistemas.

 

Já na vertente “applet”, é valorizada a possibilidade de criar interfaces ricos nos browsers –  por exemplo campos de formulários com somatórios em tempo real, como os utilizados na declaração do modelo 3 de IRS – mas, por implicar a instalação de um plug-in, levanta questões de segurança muito pertinentes, afetando a popularidade do Java.

 

 

A aplicação que está a usar provavelmente é Java

 

 

O Java é largamente utilizado em aplicações e sites que são acedidas por milhares de utilizadores diariamente, como os sites Amazon, Linkedin ou eBay. É também uma linguagem muito versátil: pode ser utilizada para desenvolver sistemas de armazenamento cloud, Internet das coisas ou jogos (o Minecraft é um popular jogo desenvolvido em Java).

 

Há ainda uma outra plataforma que assegura a popularidade mundial do Java: a Google Play, loja de aplicações exclusivas para o sistema operativo Android. Nesta plataforma são disponibilizadas inúmeras aplicações desenvolvidas em Java que, além de funcionarem em dispositivos móveis, são disponibilizadas em outros dispositivos associados ao sistema operativo Android, por exemplo televisões.

 

 

O futuro vai ter mais aplicações em Java

 

 

A comunidade de programadores de Java é extensa, por isso é natural que continuem a desenvolver aplicações em Java e que esta linguagem continue a ser largamente utilizada. Além disso, existem várias plataformas e ferramentas disponíveis (muitas gratuitas) para acelerar o processo de desenvolvimento de uma aplicação.

 

Ainda que esta tecnologia seja alvo de críticas, nomeadamente no tempo de resposta a incorporar os pedidos dos programadores para melhorar a tecnologia, o Java continua a ser alvo de atualizações desde que foi lançado. Brevemente estará disponível uma nova versão (Java 9).

 

A linguagem Java continuará a ser utilizada no futuro, especialmente em aplicações que correm no servidor e nas apps desenvolvidas para o sistema operativo Android. No entanto, é expectável que o número de “applets” desça drasticamente a curto prazo, já que a maior parte dos browsers deixou de suportar estas aplicações.

 

 

Sem comentários

Deixe um comentário

Comentário
Nome
Email
Website