Como fomentar a disrupção na sua organização?

Opensoft > Blog  > 
Como fomentar a disrupção na sua organização?

Como fomentar a disrupção na sua organização?

Já ninguém pode travar a transformação digital. Deste modo, para qualquer organização que pretenda ser bem sucedida, é importante fomentar a dirupção nas suas equipas.

 

As organizações perceberam que o futuro já não é tão previsível como há alguns anos e que, a qualquer momento, uma start-up pode invadir o mercado, conseguir a penetração mundial do seu serviço ou produto e criar um padrão de utilização que todas as outras organizações vão querer implementar.

 

Assim, importar fomentar a disrupção e a inovação numa organização. Mas, de que forma? Inovar através do produto/serviço ou focar-se nos processos e modelo de negócio da organização? Como deve calcular, cada organização é única, mas o que é verdadeiramente importante a ter em conta é que agora os clientes/utilizadores têm muito mais poder de decisão do que há alguns anos. E isso não pode ser, de modo algum, esquecido.

 

É evidente que o desenvolvimento tecnológico não vai abrandar, por isso as empresas precisam de estar prontas para a disrupção. Como? Deixamos-lhe algumas sugestões.

 

1. Foco nas competências humanas

 

A disrupção não é feita apenas com tecnologia, também é necessário juntar a imaginação e a criatividade para criar algo verdadeiramente inovador.

 

Promover discussões, aproveitar a experiência e ideias dos elementos mais recentes na equipa (porque estão menos expostos aos padrões de funcionamento da organização) são algumas das ações a promover para conseguir tornar uma equipa mais criativa.

 

2. Aproveite os dados que recolhe no mercado

 

A maior parte das pessoas prefere fazer o seu trabalho da forma que sempre fez e afasta a possibilidade de mudança. Esta situação é também aplicável às organizações que são tendencialmente conservadoras e focadas em resultados visíveis a curto prazo. Aproveite os dados do mercado, avalie quais as organizações que estão a provocar disrupção e faça um plano do impacto na sua organização, incluindo possíveis perdas de lucro e ou clientes. Este tipo de análise é muito mais eficaz para conseguir ser disruptivo do que meramente tentar reproduzir algo está a surgir no mercado.

 

3. Invista de forma sustentada na disrupção

 

Grande parte das empresas que causaram disrupção no mercado, não o conseguiram fazer de um dia para o outro (sim, nem a Netflix o conseguiu).

 

Fomentar a disrupção numa organização exige um investimento sustentado não só para transformar as capacidades de inovação, mas também a própria organização. Muitos especialistas sugerem começar a inovar com um projeto de pequena dimensão, minimizando os riscos associados. Esta pode ser uma opção para que todos os elementos da organização fiquem alinhados e partilhem a mesma ambição pela disrupção e inovação.

 

 

Ok, já conheço a teoria. E a prática?

 

Nunca há uma fórmula imediata, mas há algumas iniciativas que podem ajudar a fomentar a disrupção:

 

– Estimular a discussão de ideias em contexto de trabalho;

– Promover a imaginação;

– Juntar equipas diferentes (por exemplo vendas e técnica), levando-os a partilhar os seus pontos de vista sobre os serviços/produtos da organização;

– Garantir que o cliente é visto como o elemento principal em qualquer departamento da organização.

 

Estas são algumas das ações que as organizações, nomeadamente os seus líderes, podem promover para preparar a organização para a disrupção. E não se esqueça é preciso agir agora! Só assim as organizações podem prosperar na revolução digital atual.

 

 

1 Comentário
  • Rui Ramalho
    Responder
    Posted at 13:47, 23 Outubro, 2019

    Gosto! Simples mas muito direto.

Deixe um comentário

Comentário
Nome
Email
Website